segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

O estrado da cama ..

Olá!

          O post de hoje vai ser sobre um ataque que tive em um dia desses quando estávamos precisando de uma cama para o quarto de hóspedes. Minha irmã viria nos visitar e não tínhamos cama.
          
           Nesse meio tempo, minha sogra resolveu comprar uma cama box nova para o quarto de hóspedes da casa dela e...viva! Sobrou uma cama daquelas de madeira e um colchão para nós. Além disso, para minha sorte, minha mãe tinha uma daquelas partes de baixo de uma cama box, já que eram todos das mesma medida, decidi ficar com a parte de baixo da cama box da minha mãe (mais moderna) e o colchão da minha sogra para o quarto de hóspedes. 

             Aí que me deparei com um estrado de cama dando sopa. Meu cérebro começou, imediatamente, trabalhar para utilizar aquelas ripinhas - que já estavam lixadas e, por esse motivo, tornaram-se muito mais atraentes. Não posso ver as coisas dando sopa!

           Foi, então, que lembrei da parede da escada que sobe para os quartos. Já estava matutando uma solução para aquela brancura, porém não conseguia me decidir por papel de parede, nova tinta ou o que fosse. A essa altura, só faltava medir o estrado e ver se caberia: coube!

Daí saiu essa belezura:
             



           Prendi o estrado com ganchos e parafusos na parede. 

         Para o quadro, peguei uma prateleira que sobrou do guarda-roupas e colei uma gravura e um poema do meu pai que estava esperando uma moldura há tempo. Prendi no estrado com parafusos.

         O vaso com os galhos secos, não era vaso, era a parte lateral de um movel de pia. Virei ele e coloquei os galhos dentro. Gostei do resultado.
      
          A luminária que aparece na foto, é antiga e era da cor creme. Pintei de preto, com tinta acrílica que tinha sobrado dos outros projetos.

        No estrado, ainda pretendo pendurar alguns vasinhos com aqueles cactus em miniatura e algumas suculentas para dar uma vida para esse canto da casa.

Era isso...

Espero que tenham gostado do projeto e que eu tenha inspirado vocês para fazer coisas!

Tenham ataques devastadores de ideias e compartilhem comigo!

Abraços!





quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Painel de TV!

     Olá Pessoal!

     Nesse último mês tive vários, vários, vários ataques...

     Terminei o tapete de retalhos jeans, fiz um painel de TV com pallet que sobrou da construção, decorei meu corredor com um estrado de cama, montei uma adega diferente com engradado de cerveja, costurei cortinas para o quarto...Porém, pra variar não consegui postar :(

      Enfim, de pouco em pouco vou mostrando para vocês os resultados dos ataques. Hoje é a vez do painel da TV do meu quarto.

      Ainda que tarde, terminamos os quartos da casa, porém pintamos todas as paredes do nosso de branco, e isso deixou tudo meio sem graça. Então, fazendo aquela pesquisa rotineira para ter inspirações digitei: "painel para tv com pallet" cheguei ao resultado da foto:




      Esse projeto foi especialmente fácil, exceto pela parte chata de lixar o pallet.

      Mas notem, eu só lixei para tirar as farpas (os trabalhos que exigem muito, muito, muito capricho não são para mim e, nesse caso, caprichoso seria lixar até deixar bem lisinho), assim o projeto ficou um tanto rústico, o que não me incomoda, tendo em vista do trabalhão que seria lixá-lo bastante. (Claro que você não precisa ser como eu, só conto essas coisas, porque algumas pessoas desistem de fazer as coisas por que acham trabalhosas e difíceis, sendo que poderiam apenas simplificá-las...com eu faço..ihihihi)

      Fiz assim:

1 - Lixei o pallet - com lixa 80, mas poderia ser mais grossa - para tirar as farpas e, após,limpei com um pano úmido para tirar a poeira;

2 - Pintei duas de mão (esperei 30 minutos entre a primeira e a segunda, pois estava no pátio de casa e estava bem quente) com um pincel comum e tinta acrílica preta (era a que eu tinha em casa, mas se vai comprar, peça por tinta para pintar móveis e metais) e aguardei a secagem...Pronto! A parte de fazer o painel está pronta, falta pendurar na parede...;

3 - Colocamos a TV no pallet com o suporte de parede;

4 - Meu marido furou a parede com a furadeira em dois lugares alinhados na horizontal na altura que escolhemos, e penduramos o pallet nos parafusos (tamanho 8 de comprimento em torno de 7 cm).

      O quadro vermelho eu já tinha pintado há algum tempo, coloquei junto por que achei tudo muito preto. Você pode optar por pintar o pallet de outra cor, não precisa ser preto.

      É isso! Espero que tenham gostado!
      Abraço!





terça-feira, 18 de outubro de 2016

Guarda-roupas novo e estiloso!

Olá!

Continuamos com as obras em casa e ainda falta muuuuita coisa, porém, já finalizamos o quarto do meu filho e decidi dar um estilo para o guarda-roupas (todo branco) dele.

Eu gosto muito de listras, isso já não é novidade aqui no blog, e se elas forem brancas e pretas, tá feita a festa...Então, durante uma pesquisa na internet, em busca de inspiração para meus projetos, tive a ideia de estampar as portas do guarda-roupas com zigue-zague preto e branco, no caso, só utilizei preto, pois o móvel já é branco.

 Antes do ataque era assim:



E ficou assim:


Passo a passo (conforme a largura da porta, as medidas pedem adaptações! Se quer um conselho - "Faça o que eu digo não faça o que eu faço" ihihihihihihihi - desenhe em um papel o passo a passo com as devidas medias e faça os cálculos, fica mais fácil visualizar - eu fiz tudo direto porque sou ATACADA):

1) Comprei 2 metros papel adesivo preto (em torno de R$6,00 o metro);

2) Recortei 18 tiras de aproximadamente 7 cm x 50 cm (a quantidade de tiras vai depender de quantos zigue-zagues vai querer colocar em cada porta, eu coloquei 3 em cada);

3) Medi a altura da porta do roupeiro e dividi por 4 (um a mais que o número de zigue-zaques) e do resultado, diminui 7cm (largura das tiras). Esse valor serve para saber onde começar a colar. Então marquei as três portas com o resultado que obtive, ex: se a porta tem 160 cm, dividido por 4 = 40 cm - 7cm = 33cm (onde vai começar a colar).

4) A escolha do ângulo para colar em zigue-zague, depende muito da largura da porta, pois se for muito larga, 50 cm de comprimento na tira não bastam, então, marque também a porta no meio, faça um risco com algo que você possa limpar depois, é claro.

5) Coloque a primeira tira no ponto inicial inclinada para cima, ou para baixo (conforme onde vai querer que fique a ponta, mas tem que decidir antes de começar as medidas, pois inverte tudo), na angulação que quiser e o tamanho do papel adesivo permitir até encontrar o meio. Repita tudo do outro lado e, então, as duas pontas devem se encontrar formando o zigue-zague. (É possível que haja uma sobra (ou falta) de papel adesivo no encontro das duas tiras, por isso, se puder testar o ângulo que vai querer formar no chão ou em uma mesa, respeitando as medidas da porta do roupeiro, melhor, daí já tira a sobra e corta as outras tiras iguais. Eu fiz direto na porta e tive que cortar excessos.)



6) para colar o segundo zigue-zague, você deve medir do final da tira colocada os 33 cm (do exemplo) e começar a colar a  próxima tira e assim por diante. Observe que você deve medir a que altura ficou o encontro das duas tiras (passe um traço da ponta até a extremidade lateral, depois meça deste ponto até onde acaba a tira, como um triângulo retângulo), para que no próximo zigue-zague, você faça o mesmo ângulo.

Vendo esse texto enorme, parece difícil, mas não é. Depois que cola o primeiro zigue-zague, os outros são bem fáceis.

O mais legal desse projeto é que se algum dia eu ou meu filho enjoarmos, podemos tirar tudo sem estragar!

Eu adorei o resultado, achei moderno. Atualmente as listras e zigue-zagues estão em alta! Além de guarda-roupas, você pode decorar bidês...pias...moluras de quadros...

Espero que tenham gostado e que meu ataque tenha inspirado vocês para um projeto qualquer!

Até breve!




segunda-feira, 3 de outubro de 2016

E não é que tem gente tendo ataque!!! Relógio de parede feito com gaveta!

Primeiramente, gostaria de justificar o meu sumiço...
Como já é sabido, minha casa está em obras, então, depois que me recuperei da mão (que tinha machucado num jogo de vôlei) coloquei a "mão na massa", na argamassa LITERALMENTE!
Eu e meu marido resolvemos colocar os pisos na casa...imaginem! Há quem me chame de louca e, dessa vez, admito, quase concordei. Bem no fim, deu tudo certo, porém acabamos, apenas a parte interna, faltam os pisos externos e as paredes dos banheiros, ou seja uns 100 metros quadrados...De todas as coisas que já me meti a fazer, essa, definitivamente, foi a pior de todas e depois que acabar pretendo não repetir.
Enfim, obra é um exercício de paciência!
Não conheço alguém que não tenha tido problemas com mão de obra em reformas e construções, mas pasmem: TRÊS equipes de pedreiros passaram pela minha obra!  Foi realmente um sufoco de estresse, mas enfim, agora somos só e meu marido para concluir os acabamentos (mais barato - e só por isso que vale a pena - mais trabalhoso, porém não muito menos estressante).
Como nem tudo é estresse nesta vida, nesse meio tempo...
Minha cunhada teve um ataque! Olha que legal;
Segundo ela, inspirada na maneira que faço meus projetos, fez um relógio de parede para a cozinha com uma gaveta que sobrou por causa de uma mudança que fez em um móvel.
Achei super mimoso, olha:






Acredito que só de ver já dá para tirar um passo a passo deste projeto!
Adorei ter recebido as fotos, brigada cunha!
Em breve, várias novidades da casa nova quase pronta...
Pessoal, espero que tenham gostado e que tenham um ataque e compartilhem comigo!
Grande abraço!


sábado, 23 de julho de 2016

Mais um Puff de Pneu!

Olá Pessoal!
Sim, estive sumida. Machuquei a mão direita e não pude, e ainda não consigo, movimentá-la direito.
Enfim, mas não agueeeento mais não fazer coisas!
Já tinha em mente fazer mais um puff de pneu, só ainda não tinha feito porque estava com a mão imobilizada. Então, para este projeto, já que ainda não posso exagerar, precisei muito mais do meu marido...ihihihihiih, que praticamente fez tudo!
Desta vez não vou escrever "tintim por tintim", pois acabaria sendo redundante, o passo a passo para fazer o puff não muda muita coisa do anterior...Puff de pneu chique!

Assim...tinha um pneu em casa da outra vez em que fui pegar em uma loja onde doam os pneus velhos para quem faz uso inteligente deles. Então, fui em uma loja de retalhos de tecidos, onde comprei um metro do tecido que estica por R$ 13,00!
As rodinhas tinha em casa, pois havia retirado de um móvel que já não necessitava delas, ainda antes de pensar neste projeto. As madeiras (MDF desta vez de 1 cm de espessura) pedi a um marceneiro que cortasse retalhos de mdf que tivesse, em círculos de 50 cm, gastei R$20,00.
A espuma, tinha em casa também do outro projeto. Comprei os parafusos, porcas e arruelas, tudo por R$ 5,00.

Através das fotos é possível entender o passo a passo, em caso de dúvida. comente e/ou acesse o post Puff de pneu chique!, tem tudo detalhadinho.
















Resume-se assim:
1) Corte a espuma medindo com a tábua de MDF;
2) Prenda a tábua inferior,
3) Prenda as rodinhas;
4) Coloque a tábua superior e a espuma (ah... na espuma eu arredondei um pouco a borda superior pra não marcar no tecido);
5) Coloque o tecido, vire o puff e prenda o tecido com grampeadora de madeira.

Fácil!
Espero que tenham gostado!
Copiem, compartilhem e comentem!
Já estou em função do próximo projeto! Será um tapete com retalhos jeans, aguarde!


terça-feira, 17 de maio de 2016

Novas luminárias! Fácil e barato!

Olá pessoal!

Há algum tempinho atrás, tive a ideia de fazer luminárias para a cozinha com bacias, isso bacias!!! Porém, não conseguia encontrar nenhuma como eu imaginava...
Foi então nesse último final de semana, quando estive em Panambi-RS para tocar um baile de casamento, que encontrei! (Surtei em Panambi! Tinha um hipermercado lá com muitas das bacias que eu queria para fazer minhas luminárias e muitos outros potes.)
Enfim, encontrei uns potinhos charmosos por R$ 3,20. Comprei 2 vermelhos e 2 brancos, daí encontrei a oportunidade para transformar:
isto, NAQUILO:                                       


Segue passo a passo:

1º passo:

Retirei as luminárias anteriores do teto (lembre de desligar a chave de luz...) e desmontei cada uma delas;

2º passo:

Furei os potinhos novos no centro esquentando uma tesoura em uma das bocas do fogão. (Os furos foram feitos mais ou menos do tamanho do fio para que não ficassem soltos e tortos quando montados.)


3º passo:

Montei as luminárias novamente, porém com as novas cúpulas, colocando primeiro a branca e depois a vermelha (porque a cor branca reflete a luz que iria para cima, e por sua vez, ilumina melhor...dicas do meu irmão professor de física queridíssimo Rafael Sisson. Veja um dos vídeos dele clicando no link: FÍSICA FÁCIL ).

 Tcharaaaaaaaam!!! Super mega triper rápido, fácil e barato! (Custo total: R$ 6,40 cada uma)







Então.....
Na empolgação, resolvi montar uma das luminárias com as bacias das quais escrevi no início deste post, já que tinha material em casa. Abaixo o passo a passo:

1º passo: 
Furei as bacias (R$ 9,90 cada), a branca e a amarela, com a tesoura quente, como já havia feito anteriormente;




2º passo: 

Cortei um pedaço de fio - daqueles que você encontra em lojas de materiais elétricos a R$ 5,00 o metro - e desencapei um pedaço na ponta suficiente para prender no soquete (também encontrado em lojas de materiais elétricos por, aproximadamente, R$ 4,00 ) onde vai a lâmpada;



3º passo: 

Passei o fio pelos furos feitos nas bacias, primeiro na branca e depois na amarela e prendi o soquete da lâmpada no fio da parte interior da bacia branca;




4º passo:

Faltava o acabamento...(aquele que a gente esconde os fios depois de prender a luminária no teto). 

Como eu não tinha a intenção de deixar o projeto pela metade (atacada das ideias...ihihiihihih) achei no meu armário de potes uma daquelas tampas de mel na cor igualzinha a da bacia amarela! É, pasmem, eu usei uma tampa de mel e o resultado é este aí, ó: 














 Fiz esta para colocar no quarto do meu filho (que não está pronto), e por isso, por enquanto, só dá pra mostrar assim:




(Custo da luminária amarela: aproximadamente: R$30,00).

 Como havia comentado, surtei! Comprei várias bacias para fazer outras luminárias para outros ambientes, quando colocá-las, juro que posto as fotos!







Espero que tenham gostado! Curtam, compartilhem e façam as suas!
Ahhhh! Depois me mostra que eu quero ver!

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Sapateira de tecido com passo a passo feita em menos de 30 minutos!

Olá!

Hoje, conforme prometido, através do feitio da minha nova sapateira de tecido, vou mostrar para vocês como fiz aquele porta óculos do hall de entrada, mas, desta vez, com direito a passo a passo! E acreditem, fiz essa sapateira em menos de 30 minutos!

Então...vamos lá!

A sapateira terá 3 bolsos grandes, que ao final serão divididos de maneira que acomodem 2 pares de sapatos por bolso.


Você vai precisar de:

- 1 metro de tecido sem elastano;
- máquina de costura reta;
- linha;
- 1 cabide de criança;
- tesoura e
- trena.




Passo 1:

- Corte o tecido em pedaços como os da foto, sendo:

           - 3 pedaços de 35 x 20 cm
           - 1 pedaço de 1 m x 30 cm

- Faça barras em volta de todos os pedaços.

(Nos pedaços menores (35 x 20 cm) você pode deixar um dos lados de 35cm sem barra, pois não aparecerão).



Passo 2:

- Marque no pedaço de tecido maior onde você fixará os bolsos, de maneira que fique um espaço entre eles;

- Fiz um vídeo para ilustrar esse passo do feitio do bolso para facilitar, até porque, achei difícil explicar por foto...:(
video
(Isto que está representado no vídeo, tem que fazer nos três bolsos)



 Passo 3:

- Depois de os bolsos estarem prontos, faça alguns pontinhos no centro para dividir, assim:
 


Passo 4:

- Costure o tecido em volta do cabide desta maneira:

"Tcharam!!!" Agora é só colocar um preguinho na porta do roupeiro e pendurar!



Aproveito também para mostrar a solução que encontrei para guardar os meus "poucos sapatos"...ihihihhiihh, tá, eu sei! Não são poucos...mas adquiri ao longo dos anos...não comprei todos de uma vez, ok? (Nem estão todos ali, as botas guardei em outro lugar).




Enfim, vejam como eu fiz:
Coloquei suportes e varões de cortina em paralelo, de maneira que pudesse pendurar sapatos de salto e acomodar os baixos. Legal, né?
Bom, espero que tenham gostado e eu tenha inspirado vocês com minhas ideias!

Compartilhem, curtam e copiem!

Grande abraço e muito obrigada por  visitarem o blog!